quinta-feira, 26 de maio de 2011

José Cláudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo.


Nem era negro, nem era branco
Era mais um Silva, imensa família
Que carrega no nome a origem
De Sertão e lida cativa e navio negreiro
Familia antiga que chegou na mata
No açoite, tangidos como bichos
Para riqueza de El Rey e seus acólitos
Que sempre mamaram do leite, o sangue da pátria
No mesmo dia os deputados
Com seus ternos de linho branco, ilibados e sem nódoa
Filhos de putanas ilustres, antigas cortesãs do reino
Decretavam o fim das matas com suas canetas Mont Blanc
Nem era branca, nem era negra
Maria do Espírito Santo
Como Santa guerreira, mulher brasileira
Carregava o mundo às costas e sorria
No mesmo dia homens ilustres, poderosos
Decretavam o fim da mata a morte de seus verdadeiros donos
Carregava suas trouxas o casal pela estrada
E os deputados mamavam o sangue da pátria
Enquanto José e Maria
Carregavam suas idéias perigosas
De conservação da mata que amavam
Perigosas idéias que matam seus donos
Enquanto impolutos servos deputanos escreviam seus nomes
Nas linhas da infâmia
Carregavam os jagunços suas armas
Preparavam a tocaia na mata
Amada mata de José e Maria
Devorou a selva seus donos
Mais um silva e mais uma Maria do Espírito Santo
Tão Santo que seu corpo jaz trucidado
Torturado e morto como o Cristo
Na cruz do castanhal que tanto adoravam
Jazem  seus  nomes logo esquecidos
Mais um José mais uma Maria
São tantos e esquecemos tão rápido seus nomes
Entre o champanhe sorvido a farta
Deputanos, filhos de putanas ilustres
Mamam o leite da pátria, nosso sangue.



Frutos Nacionais

quinta-feira, 12 de maio de 2011

MINHA HERANÇA

UM LEGADO
É ALGO QUE RECEBEMOS DO PASSADO
NINGUÉM LEGA O FUTURO
A HERANÇA MAIS RICA
SE PERDE NA MÃO DO TOLO
NEM É PERCEBIDA PELO IGNORANTE
QUE SEU BRILHO TURVA
AMBOS PERDEM TUDO
NA FOGUEIRA DAS VAIDADES
PAIS RICOS, FILHOS NOBRES,
NETOS POBRES
VATICINA A POPULAR SABEDORIA
A VIDA É INDIVIDUA
SEM PECADO E SEM CULPA
O PRESENTE OCORRE
NO SEMPRE AGORA
E CADA UM CUIDA 
DE SUA CARROÇA DE PROVISÕES
NÃO SE HERDA O FUTURO
SE CONSTRÓI
COM CADA UNICA PEÇA
DE UM DIA BEM VIVIDO 
DO SEMPRE HOJE
O PASSADO SE PERDE
O FUTURO SE GANHA
NO CARA OU COROA
MAS É NECESSÁRIO PELO MENOS
UMA MOEDA PARA APOSTAR A SORTE
NÍQUEIS OS TOLOS PERDEM
TODOS OS DIAS...